POLÍCIA

Rádio Patrulha prende motorista que transportava cigarros contrabandeados

A apreensão está avaliada em aproximadamente dois milhões de reais

Por Celso Daniel
24/06/2017 • 09h49
Compartilhar

Um motorista de 37 anos foi preso na manhã deste sábado (24) depois de tentar fugir de uma equipe da Rádio Patrulha da Polícia Militar de Três Lagoas. Ele estava conduzindo uma carreta carregada com cigarros contrabandeados do Paraguai.

Por volta das 08h, a equipe composta pelo sargento Fonseca e soldado Tabone, realizavam patrulhamento pela região do Jardim Alvorada quando a carreta foi vista trafegando pela Avenida Ranulpho Marques Leal. A alta velocidade desenvolvida pelo motorista chamou a atenção dos policiais que resolveram realizar uma abordagem, mas o condutor ignorou a sirene e o sinal de giroflex e continuou seguindo em alta velocidade pela pista de rodagem.

Na rotatória entre a avenida e o início da BR-158 com sentido Ponte do Rio Sucuriú, o motorista reduziu e velocidade e com um dos braços, de dentro da cabine, acenava ao policiais com um gesto dizendo para que a equipe policial "saísse fora", ou seja, não procedesse com a abordagem.

Em ato contínuo, o homem de 37 anos - que é morador da cidade de Eldorado/MS - seguiu pela rodovia em alta velocidade sendo acompanhado pela viatura da Rádio Patrulha.

Um pouco antes de chegar na rotatória entre a BR-158 e MS-320 o motorista percebeu que não conseguiria escapar da abordagem e resolveu parar.

Ao ser questionado, o motorista confessou que a carreta estava carregada com caixas de cigarros contrabandeados do Paraguai e revelou que pegou o veículo já preparado na cidade de Dourados e o destino era a cidade de Cardoso/SP. Ele receberia R$ 4.500,00 pelo "serviço".

A apreensão - entre carga e veículo - está avaliada em aproximadamente R$ 2 milhões. Um rádio comunicador - para falar com batedores- também foi apreendido.

O homem recebeu voz de prisão e foi levado a sede da Polícia Federal e foi autuado em flagrante por contrabando. Segundo o motorista está não é a primeira vez que ele é preso pelo mesmo crime.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de Polícia

VEJA MAIS