RÁDIOS
Três Lagoas, 16 de junho

MDB começa reestruturação para as eleições municipais

Eduardo Rocha disse que está percorrendo os municípios para conversar com as lideranças do partido para a reestruturação dos diretórios

Por Ana Cristina Santos
01/06/2019 • 07h20
Compartilhar

O MDB em Mato Grosso do Sul já deu a largada na reestruturação dos diretórios municipais visando às eleições municipais do próximo ano. O deputado estadual, e vice-presidente da Assembleia Legislativa, Eduardo Rocha, disse que está percorrendo os municípios para conversar com as lideranças do partido para a reestruturação dos diretórios.

Eduardo destacou que nas eleições do ano que vem não será permitida coligação proporcional. Ou seja, cada partido terá que lançar chapa pura para vereador. Para isso, segundo Eduardo, os partidos precisam estar bem reestruturados.

O deputado já conversou com lideranças de Três Lagoas, Brasilândia e Bataguassu. Na capital, um dos nomes cogitados para disputar a prefeitura, é o da senadora Simone Tebet (MDB/MS). Eduardo disse que Simone não deixará o Senado, onde tem ganhado espaço e pode ajudar muito mais o Estado.

JPNEWS: BANNER FESTIVAL BEER EM BLUES 14/05 A 06.07.2024
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

 ATUAÇÃO

Além de conversar com lideranças do partido, o deputado destacou que continua percorrendo os municípios e ajudando os prefeitos com indicações e recursos de emendas parlamentares. “Fui o deputado mais votado em seis municípios do Estado, preciso devolver esses votos em trabalho para a população”, destacou.

Nesta semana, o deputado acompanhou o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) duramente inauguração e autorização de novas obras de saneamento básico em Três Lagoas. Eduardo ressaltou que são investimentos importantes e que o governo tem feito um bom trabalho em todo o Estado.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews Três Lagoas