RÁDIOS
Três Lagoas, 16 de junho

Agentes de endemias de Três Lagoas querem redução na jornada de trabalho

Profissionais querem trabalhar das 7 às 13 horas para evitar sol e calor no período da tarde

Por Ana Cristina Santos
22/02/2017 • 18h47
Compartilhar

Os agentes de endemias de Três Lagoas querem alteração na jornada de trabalho de oito para seis horas diárias. Eles alegam dificuldades para trabalhar após as 13h devido ao sol e calor.

A carga horária prevista em concurso é de 40 horas semanais- oito horas/dia. Em razão disso e, diante da alegação das dificuldades para cumprir esse horário, alguns profissionais comparecem na sessão da Câmara de Três Lagoas nesta terça-feira (21) para pedir o apoio dos vereadores para essa redução.

Os profissionais solicitaram aos vereadores interferência e a formação de uma comissão para discutir o assunto com a administração municipal.

O coordenador do Setor de Endemias, Alcides Ferreira, disse que a legislação prevê que os agentes cumpram metas, as quais são pactuadas com o governo federal para a liberação de recursos no combate as endemias. No entanto, disse que entende às dificuldades enfrentadas pelos agentes para trabalhar no período da tarde devido ao sol, mas que o assunto já está sendo discutido com a secretária de Saúde, Maria Angelina Zuque.
 
Na sessão desta terça-feira, o vereador Renée Venâncio (PSD), se solidarizou com os agentes e encaminhou requerimento ao Executivo solicitando alteração da jornada de oito para seis horas diárias.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews Três Lagoas