Três Lagoas, 18 de setembro
29º C
(67) 99229-0519

Casos de dengue em Três Lagoas têm redução de 98,2% em 2017

Levantamento mostra que 82% dos casos de localização de larvas do mosquito ocorre em imóveis habitados

Por Valdecir Cremon
11/12/2017 • 08h59
Compartilhar

A quantidade de casos de dengue em Três Lagoas teve significativa redução neste ano em relação a 2016. Segundo dados da Vigilância Sanitária municipal, a redução foi de 98,2% no número de casos positivos de dengue na cidade, neste ano, em comparação a 2016.

No ano passado foram registrados 1.455 notificações da doença, com 958 pessoas contaminadas pelo vírus. Neste ano, os números são bem menores: 573 notificações, com apenas 17 positivos - redução de 98,2%

Para Alcides Ferreira, coordenador do Centro de Controle de Endemias, a redução tem duas explicações diretas: a imunidade adquirida por pessoas picadas pelo mosquito ao menos uma vez e a intensificação das campanhas de combate à proliferação do Aedes.

JPNEWS: CONQUISTA SEGUROS BONIFICAÇÃO CONTRATO 37546
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Neste ano, o setor contou com o apoio de um drone para vistoriar casas e terrenos onde agentes de saúde têm dificuldades de fiscalização. Duas multas foram aplicadas por terreno sujo.

Um levantamento divulgado na semana passada mostra que 82% dos casos de localização de larvas do mosquito ocorre em imóveis habitados e que menos de 2% são de casas fechadas.

“Dia D”

Uma mobilização de conscientização contra o mosquito transmissor da dengue foi realizada na Praça Senador Ramez Tebet, no Centro, na sexta-feira (8), instituído o Dia “D” Municipal de Combate ao Aedes aegypti. Um abraço simbólico na praça marcou o “Dia D” de combate à dengue na cidade. 

 

(Colaboração de Tatiane Simon)

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews

VEJA MAIS