Três Lagoas, 22 de setembro
28º C
(67) 99229-0519

Deputado Marun deverá ser o novo ministro da Secretaria de Governo

O ministro pediu exoneração nesta sexta (8) e o deputado de MS deverá assumir o cargo

Por Redação
08/12/2017 • 17h48
Compartilhar

O ministro da Secretaria de Governo, Antônio Imbassahy, pediu demissão do cargo nesta sexta-feira (8). Ele entregou sua carta de exoneração e o deputado estadual  Carlos Marun (PMDB-MS) deverá assumir o cargo. A assessoria do Palácio do Planalto disse que a escolha de Marun ainda não é oficial. Porém, o presidente Michel Temer teria feito o anúncio a integrantes do partido. Marun tem sido um dos principais articuladores de Temer na Câmara dos Deputados.

Já Imbassahy é deputado federal do PSDB e havia se licenciado do mandato para ocupar o cargo no governo. Ele não explicou o motivo da saída, apenas citou “novas circunstâncias no horizonte”, segundo a assessoria do parlamentar.

Ele também cita na carta a reforma da Previdência, afirmando que o governo precisa do apoio do Congresso para avançar no tema. Com sua saída do governo, ele retoma sua vaga na Câmara dos Deputados.

O presidente Michel Temer aceitou o pedido do agora ex-ministro.

PSDB

O PSDB já tem sinalizado que pode deixar a base do governo Temer, mas ainda não houve formalização. Imbassahy é o segundo tucano a deixar o governo. Antes, Bruno Araújo pediu demissão do cargo de ministro das Cidades em meio a rumores sobre uma possível reforma ministerial que envolveria a saída de integrantes do PSDB da equipe de governo. 

(Com informações da Agência Brasil)

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews

VEJA MAIS