Três Lagoas, 17 de setembro
30º C
(67) 99229-0519

Festa do Folclore volta a ser realizada e no local de origem

Depois de três anos, evento tradicional volta ao calendário

Por Ana Cristina Santos
21/01/2017 • 11h00
Compartilhar

Depois de três anos sem ser promovida, a Festa do Folclore de Três Lagoas será realizada neste ano, e no local de origem do evento, entre as avenidas  Antônio Trajano e Rosário Congro, no centro da cidade.

A última vez que a festa aconteceu foi em sua 28ª edição, em 2013. Depois, saiu do calendário oficial da cidade sob alegação da falta de recursos financeiros da prefeitura, responsável pela organização. 

No entanto, segundo o diretor do Departamento de Cultura, Rodrigo Pedrozo Fernandes, a retomada da festa foi um dos primeiros projetos na área apresentado pelo prefeito Ângelo Guerreiro (PSDB).

JPNEWS: CONQUISTA SEGUROS BONIFICAÇÃO CONTRATO 37546
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O retorno da Festa do Folclore sempre foi um anseio dos três-lagoenses, inclusive do idealizador do evento, o ex-prefeito José Lopes.  “Quem não tem passado, não tem história. E o Folclore reaviva tudo isso”, disse.  

A festa teve início em 1983 com o objetivo de resgatar a cultura, promoção, crenças e tradições populares do então recém-criado Estado do Mato Grosso do Sul, que na época tinha apenas cinco anos, após divisão do Mato Grosso.

O evento conta com praça de alimentação, barracas de comidas típicas, produtos artesanais, e apresentações artísticas, como grupos de Folias de Reis, de cantores sertanejos, entre outras. Em alguns anos, a festa foi realizada na circular da Lagoa Maior, e a partir de 2006, no Parque de Exposições Joaquim Marques de Souza.  Em outro ano foi realizada no Arenamix. 

A mudança, de acordo com as administrações anteriores, ocorreu em virtude de transtornos criados ao trânsito, no centro da cidade.

Tradicionalmente, a festa acontece em agosto, mês em que se comemora o Dia do Folclore (22 de agosto). Em anos com eleições, a prefeitura realizou no mês de outubro, após a votação.

Segundo o diretor de Cultura, a festa vai voltar para o seu local de origem, porque entende que nos demais, o acesso é mais difícil para a população. 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews

VEJA MAIS