RÁDIOS
Três Lagoas, 22 de fevereiro

Pesca é liberada, mas pescadores devem ficar atentos ao tamanho do pescado

Mesmo com a liberação da pesca, pescadores têm que respeitar normas estabelecidas pelo Imasul

Por Ana Cristina Santos
01/03/2017 • 18h21
Compartilhar

O período de pesca em todos os rios de Mato Grosso do Sul foi aberto nesta quinta-feira, 1º de março, com o fim da Piracema. Mas os pescadores devem ficar atentos às normas de captura, tamanho dos peixes e locais permitidos.

De acordo com o Instituto do Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul), essa medida é importante para que o peixe tenha o tempo mínimo necessário para se reproduzir e garantir o povoamento dos rios.

Os tamanhos permitidos para captura são: jaú 95 centímetros; pintado 85 centímetros; cachara 80 centímetros; dourado 65 centímetros; pacu 45 centímetros; curimbatá 38 centímetros; piau-uçú ou piavuçu 38 centímetros; barbado 60 centímetros e piraputanga 30 centímetros. Peixes menores que o limite mínimo estabelecido devem ser devolvidos aos rios.

Ainda de acordo com as normas do Imasul, cada pescador amador pode transportar consigo 10 quilos de peixe, mais um exemplar de qualquer espécie, desde que do tamanho permitido. Ao pescador profissional a cota é de 400 quilos ao mês, igualmente respeitando os tamanhos mínimos de cada espécie.

A pesca amadora, ou profissional, só pode ser exercida por quem estiver portando licença ambiental emitida pelo Imasul.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews Três Lagoas