Três Lagoas, 27 de setembro
29º C
(67) 99229-0519

Reforma do novo prédio da Unei vai custar mais de R$ 600 mil

Nova Unidade Educacional de Internação passará por reformas antes mesmo de entrar em funcionamento

Por Ana Cristina Santos
01/02/2017 • 11h03
Compartilhar

Antes mesmo de entrar em funcionamento, o novo prédio da Unidade Educacional de Internação (Unei) “Tia Aurora” de Três Lagoas, construída na região do Jardim das Violetas, passará por reforma, que custará aos cofres estaduais R$ 641 mil.

A reforma do prédio será feita pela empreiteira Engenharia Gimenez, de Campo Grande, vencedora da licitação. Os serviços foram iniciados sem grandes avanços.

Enquanto a reforma não é concluída, o governo do Estado paga R$ 10 mil por mês com o aluguel do prédio que atualmente abriga os menores infratores, no bairro Parque São Carlos.
Nesta semana, a Defensoria Pública do Estado instaurou um procedimento para apurar os motivos do abandono da nova unidade, que tem sido alvo de depredação, furto de material elétrico e outras avarias.

O procedimento foi aberto pela defensora pública Rita de Cássia Vendrami Pusch de Souza. “No ano passado, o nosso coordenador do Nudeca [Núcleo Institucional de Promoção e Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente da Defensoria Pública de MS] fez uma visita na nova unidade e detectou que esse prédio novo estava todo depredado e, em condições precárias. Além disso, constatou-se que, embora inaugurado em dezembro de 2014, não entrou em funcionamento”, esclareceu.

Segundo a defensora, o prédio que atualmente abriga os adolescentes não é o adequado. Além disso, destacou que, além de não ser apropriado, o governo gasta com aluguel de imóvel, sendo que possui um prédio próprio.
 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews

VEJA MAIS