RÁDIOS
Mato Grosso do Sul, 21 de maio

Em dezembro MS poderá exportar carne in natura

Em MS, há exceções para exportação, no caso de produção na faixa de alta vigilância

Por Redação
26/11/2008 • 14h55
Compartilhar
TODAS AS PRAÇAS: BOX INTERNA NESCAU ATÉ 31.12.24

A medida publicada nesta quarta-feira, pelo Jornal Oficial do bloco diz, que a partir de 1º de dezembro, carne in natura de Mato Grosso do Sul e dos estados de Minas Gerais e Mato Grosso já poderá ser destinada à exportação para a União Européia.
A habilitação destas áreas representa, aproximadamente, mais 40 milhões de bovinos somados ao rebanho que pode ser comercializado para o mercado europeu. Contudo, a União Européia só aceitará animais provenientes de Eras (Estabelecimentos Rurais Aprovados no Sisbov). Atualmente, são 364 os estabelecimentos certificados em MS.
A decisão já havia sido anunciada em outubro, pela Diretoria-Geral para Saúde e Consumidores da União Européia, mas só agora foi publicada.
Em Mato Grosso do Sul, a exceção para as exportações é para produção na faixa de alta vigilância, 15 km no território brasileiro ao longo de toda fronteira com o Paraguai.
A habilitação de Eras para o comércio com a UE tem aumentado significativamente a cada mês. Esse incremento é resultado da intensificação das auditorias realizadas pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento , em conjunto com serviços estaduais de Defesa Agropecuária, no sistema de certificação dessas propriedades rurais.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Últimas Notícias