Três Lagoas, 20 de setembro
34º C
(67) 99229-0519

Daiane Muniz treina 'pesado' para encarar Sul-Americano em 2018

Aprimorando técnicas de resistência física e psicológica no Estádio Madrugadão em Três Lagoas, árbitra assistente integra quadro da Fifa

Por André Barbosa
27/12/2017 • 09h48
Compartilhar

A arbitra assistente de futebol, Daiane Muniz, 29, treina pesado desde a semana passada no estádio Madrugadão, para encarar sua primeira competição internacional dentro da convocação da Federação Internacional de Futebol (Fifa), no Sul-americano feminino Sub 20 divulgado no início do mês. A atleta que mora em Três Lagoas há cinco anos, tem a responsabilidade profissional e o peso de representar a arbitragem feminina, única do Mato Grosso do Sul, para todo o mundo. Para isto, é necessário muito treino e além de preparo psicológico.

O lido com as torcidas internacionais durante as partidas preocupa, mas não assusta a atleta. Para ela, faz parte da recém conquistada atribuição. “Tudo faz parte da preparação, que precisou ser de imediato. Serão 20 dias de competição e é um desafio novo. Nós, da arbitragem, vivemos de desafio, que temos o prazer de encarar, com certeza. Trabalhamos com um esporte que envolve tanta paixão e é preciso estar mentalmente preparada e com a concentração no máximo para os dois tempos do jogo”, contou.

Para encarar o desafio no Equador, Daiane Muniz, que já trabalhou em partidas de futebol em cerca de 10 estados diferentes, contou que treina intensamente, há quase 10 dias. “São treinos específicos, com ênfase na agilidade, velocidade e resistência cardiorrespiratória, para um padrão Fifa. Trabalhamos com atletas de alto rendimento no futebol”, disse.

Os próximos passos são por metas, como explica a atleta. “Trabalhamos com base na resiliência, na busca pela excelência. Erramos praticamente, todos os jogos e somos muito cobrados por isso. Mas, é um trabalho constante e que leva anos, mas que fazemos com muito carinho e atenção”, afirmou.

Após começar na Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul (FFMS), Daiane Muniz chegou ao quadro nacional e, em 2016, estreou na Série A do Campeonato Brasileiro, no jogo entre São Paulo e Santa Cruz.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews

VEJA MAIS