RÁDIOS
Campo Grande, 27 de maio

Compra de terras para indígenas resolve conflitos fundiários?

Visita do presidente à Mato Grosso do Sul reacende debates sobre demarcação de terras

Por Fernando de Carvalho
24/04/2024 • 11h00
Compartilhar

No último dia 12, a visita do presidente Lula (PT) ao Mato Grosso do Sul reacendeu o debate sobre soluções para os conflitos fundiários que envolvem povos indígenas no estado.

Na coluna CBN Meio Ambiente desta quarta-feira (24), Fernando Garayo comentou que o presidente propôs a compra de terras para os povos Guarani-Kaiowá, que se encontram acampados em áreas nas proximidades de Dourados. A iniciativa, em parceria com o governo estadual, prevê a aquisição de mais de 2 mil hectares.

Mas essa é a melhor solução? Confira a coluna na íntegra:

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de CBN Campo Grande