Campo Grande, 20 de setembro
32º C
(67) 99229-0519

Conheça a história de Dom Aquino pela óptica do padre Figueiró

Resultado de longa pesquisa, obra traz detalhes da excursão presidencial ao sul de Mato Grosso em 1920

Por Thais Cintra
23/07/2021 • 14h40
Compartilhar

A curiosidade em desbravar a trajetória e peregrinação de Dom Aquino pelo estado de Mato Grosso, foi o que motivou os irmãos Ricardo e pe. Tiago Figueiró a escreverem o livro “Dom Aquino 1920 a 2020: centenário da excursão presidencial ao sul de Mato Grosso”. A obra retrata uma parte da história e vida do religioso, que atuou como educador, poeta e governador, além dos 100 anos da excursão política que movimentou o estado na época. 

“Fomos até organizadores e autores da Literatura para entender a projeção nacional e cultural de Dom Aquino. Tivemos parcerias com diversos estudiosos, cada um em sua área, para que pudéssemos expor a visão do significado histórico, político e literal de Aquino, assim como a expansão da cidade de Campo Grande”, explicou.

Biografia de Dom Aquino

Francisco de Aquino Corrêa nasceu em Cuiabá no dia 2 de abril de 1885. Faleceu no estado de São Paulo em 22 de março de 1956, aos 71 anos de idade. Seus restos mortais estão na cripta da Catedral Basílica do Senhor Bom Jesus de Cuiabá. Filho do coronel Antônio Tomás de Aquino Corrêa e de Maria d’Aleluia Gaudie-Ley Aquino Corrêa, conviveu com a política em sua família.

Seu pai foi deputado provincial, gerente da Caixa Econômica, inspetor da Tesouraria Provincial, administrador dos Correios e suplente de juiz federal, segundo registro do CPDOC-FGV. A família Gaudie-Ley, do lado materno, era considerada tradicional em Cuiabá. Ambos partilham, desde 1989, da aventura de conhecer um pouco mais das origens do Estado e da Capital Campo Grande. Confira a entrevista completa: 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de CBN Campo Grande

VEJA MAIS