Paranaíba, 22 de setembro
29º C
(67)99272-4655

Gaeco cumpre mandados de busca e apreensão em Paranaíba

Trata-se da segunda fase da Operação Bolsão, batizada de "Padrinho" e que tem como alvos agentes fiscais

Por Talita Matsushita
18/12/2017 • 09h27
Compartilhar

O Gaeco (Grupo de Atuação Especial e Combate ao Crime Organizado) cumpre nesta segunda-feira (18) mandados de busca e apreensão em Paranaíba, Aparecida do Taboado, cidades localizadas no leste do Estado – região conhecida como “do bolsão”. Equipe do MPMS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul) também está em Ribeirão Preto (SP).

Conforme divulgou o Gaeco, por meio da assessoria de imprensa, trata-se da segunda fase da Operação Bolsão, batizada de Padrinho. A nota informa que mais detalhes só serão divulgados no decorrer do dia.

Operação

A Operação Bolsão deflagrada em 13 de fevereiro pelo Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), teve como alvo agentes fiscais do Estado acusados de extorquir empresários em troca do abatimento de débitos estaduais. 

O maior número de envolvidos é de Paranaíba e o Gaeco investigava os crimes de associação criminosa, concussão (extorsão praticada por funcionário público) e falsidade ideológica. A Operação aconteceu em Cassilândia, Paranaíba, Chapadão do Sul e Aparecida do Taboado.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de Cultura FM 106,3 - Paranaíba

VEJA MAIS