Três Lagoas, 26 de outubro
26º C
(67) 99229-0519

Prefeitura de Três Lagoas prevê arrecadar R$ 900 milhões em 2022

Nos últimos 10 anos, a receita de Três Lagoas apresentou um incremento de R$ 618 milhões

Por Ana Cristina Santos
11/10/2021 • 08h14
Compartilhar

A Prefeitura de Três Lagoas prevê uma arrecadação de R$ 900 milhões para 2022 – R$ 170 milhões a mais do orçamento previsto para este ano, no valor de R$ 730 milhões. Em um ano, a receita do município deve apresentar aumento de 23,2%, se comparado aos valores da previsão orçamentária. No entanto, o aumento pode ser maior, já que em 2020, a arrecadação de Três Lagoas ultrapassou o valor previsto e chegou a R$ 939 milhões.

Se arrecadação para 2022 apresentar superávit como vem ocorrendo nos últimos anos, o município terá uma receita superior a R$ 1 bilhão já a partir de 2022, e não de 2025, conforme prevê o Plano Plurianual (PPA), apresentado em audiência pública nesta semana, na Câmara Municipal. Nos últimos 10 anos, a receita de Três Lagoas apresentou um incremento de R$ 618 milhões. Em 2012, a arrecadação do município foi de R$ 282 milhões. Em dez anos, a receita cresceu 219%. 

Além do PPA, a Secretaria Municipal de Finanças e Controle  também realizou audiência pública para apresentar dados da Lei Orçamentária Anual para 2022, também em audiência pública. De acordo com os dados da secretaria, com impostos, taxas e contribuições, a prefeitura pretende arrecadar R$ 168,5 milhões. 

JPNEWS: BANNER TRANSFORMAÇÃO DE 15.10 A 31.12.2021
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Do montante da receita, R$ 400, 6 milhões são oriundos de repasse do governo estadual, R$ 201,3 milhões de recursos próprios e R$ 168,7 milhões de transferência da União, e o restante de outras fontes.

Boa parte da arrecadação de Três Lagoas será utilizada com pessoal e encargos, com previsão de que os gastos cheguem a R$ 400,5 milhões em 2022. Pela primeira vez, os valores previstos para investimentos superam os dos anos anteriores. Para 2022, a prefeitura pretende utilizar R$ 183,1 milhões em investimentos. Com amortização de dívidas, o gasto previsto é de R$ 3,4 milhões.

Do montante previsto para 2022, a Secretaria de Saúde é a pasta que vai receber maior volume de investimentos, R$ 245,3 milhões, seguida da Educação, com R$ 192,6 milhões e Infraestrutura com R$ 184 milhões.  A Câmara Municipal vai receber R$ 35 milhões de duodécimo em 2022. 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews