RÁDIOS
Campo Grande, 23 de janeiro
29º C

No mês da Black Friday, vendas caíram 1,5% em MS

Estado teve a 7ª menor variação do país em novembro

Por Giovanna Dauzacker
15/01/2022 • 10h01
Compartilhar

As vendas do comércio varejista caíram 1,5% em Mato Grosso do Sul na passagem de outubro para novembro. A 7ª menor variação do país no mês, segundo a Pesquisa Mensal do Comércio, divulgada na última sexta-feira (14), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Em outubro, o desempenho do segmento foi de alta de 1,7%. O baixo movimento da comercialização ocorreu mesmo com a Black Friday. “O que vimos foi uma Black Friday muito menos intensa, em termos de volume de vendas, do que a de 2020, quando esse período de promoções foi melhor, sobretudo para as maiores cadeias do varejo”, explica o gerente da pesquisa, Cristiano Santos.

“Isso se deve, em parte, pela inflação, mas também por uma mudança no perfil de consumo, já que algumas compras foram realizadas em outubro ou até mesmo no primeiro semestre, quando houve maior disponibilidade de crédito e o fenômeno dos descontos. Isso adiantou de certa forma a Black Friday para algumas cadeias”.

Frente a novembro de 2020, o segmento teve leve alta de 0,2%. No acumulado do ano, foi de 5,8%.

No comércio varejista ampliado, que inclui atividades de veículos, motos, partes e peças e material de construção, o volume de vendas teve avanço de 0,4% em novembro. Frente ao mesmo mês do ano passado, a alta foi de 4,9%.

No Brasil, o volume das vendas cresceu 0,6%, depois de registrar 0,2% em outubro. Das sete atividades pesquisadas, oito tiveram queda na comercialização, entre elas, móveis e eletrodomésticos, de -21,5%, e combustíveis e lubrificantes, de -7,1%.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de CBN Campo Grande