RÁDIOS
Três Lagoas, 22 de julho

Presidente da Associação Comercial comemora redução de impostos municipais

Projeto de Lei prevê não reajustar o IPTU para 2022, parcelar dívidas, além de outros benefícios

Por Redação
02/12/2021 • 12h46
Compartilhar

O presidente da Associação Comercial e Industrial de Três Lagoas (ACITL), Fernando Jurado, comemorou o lançamento do ‘Projeto Fortalece Três Lagoas’, que tem como principal objetivo a redução dos impostos municipais a partir do próximo ano. Ele destaca que o impacto positivo será sentido pelos empresários, empreendedores e pela população em geral.  

Jurado participou do RCN Notícias desta quinta-feira (2) e destacou que os integrantes da Aliança de Entidades (formada pela ACITL, Aje, Abrasel, APETL, Integra Costa Leste e Sindicato Rural de Três Lagoas) estiveram com o prefeito Ângelo Guerreiro, secretária de Finanças, Receita e Controle, Soyla Garcia e com o presidente da Câmara Municipal Cassiano Maia para o lançamento oficial.

De acordo com a prefeitura, dentre os principais pontos de mudanças estão:

JPNEWS: BANNER FAMÍLIA É TUDO 14.05 A 23.12.2024
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

- 20% de redução no valor do Alvará de funcionamento

- 20% de redução no valor do Alvará da Vigilância Sanitária

- Redução de 5% para 3% do ISSQN para obras comerciais

- Redução de 5% para 3% do ISSQN para o Programa Casa Verde Amarela

- Isenção total do ITBI para imóveis do Programa Casa Verde Amarela

- Não haverá aumento de IPTU em 2022

- Criação de um programa de revisão e parcelamento de dívidas acumuladas com o município

- Regularização de imóveis

- Criação de uma comissão para discutir a redução burocrática para obtenção do alvará da Vigilância Sanitária e do Meio Ambiente.

Confira a entrevista abaixo:

 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews Três Lagoas