RÁDIOS
Campo Grande, 19 de julho

Agente de saúde morre após atentado em Ponta Porã

Atirador entrou em oficina e fez diversos disparos contra vítima

Por Carlos Monfort, de Ponta Porã
30/11/2021 • 08h00
Compartilhar

A agente de saúde Vanda Santana, de 45 anos, morreu horas depois de ser alvo de um atentado a tiros no final desta tarde (29). Ela foi socorrida e levada para o Hospital Regional "Dr. José de Simone Netto".

Segundo registro da ocorrência, Vanda estava numa oficina na Rua Belém, na Vila Áurea, quando foi surpreendida por um homem de camiseta branca e calça jeans. Ele chegou ao local em uma moto Bis preta e entrou atirando na oficina. Ele fugiu na sequência e ainda não foi localizado.

À polícia, o dono do estabelecimento contou que ouviu os disparos e quando olhou em direção à vítima encontrou Vanda caída.

Vanda foi socorrida pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e encaminhada para o Hospital Regional de Ponta Porã onde foi submetida a cirurgia. Contudo, acabou não resistindo aos ferimentos.

Policiais militares e agentes do SIG (Setor de Investigações Gerais) da Polícia Civil estão em busca do atirador. Vanda trabalhava há muitos anos na prefeitura de Ponta Porã, na secretaria municipal de Saúde como agente de saúde atendendo a região da grande Vila Áurea.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de CBN Campo Grande