Paranaíba, 26 de setembro
30º C
(67)99272-4655

Palestra discute setor leiteiro em Paranaíba

Outro problema é a propaganda negativa contra o leite feita por empresas de bebidas de origem vegetal

Por Talita Matsushita
25/09/2018 • 16h26
Compartilhar

Será realizada na quarta-feira (26) uma palestra com a presença do presidente da Abraleite (Associação Brasileira de Produtores de Leite), Geraldo Borges, a fim de tratar da defesa da classe produtora do leite, construção de políticas públicas para a pecuária leiteira, organização e consolidação da cadeia produtiva. O encontro será realizado no Sindicato Rural de Paranaíba a partir das 19h. 

Martinho Mello, membro da Comissão do Leite do Sindicato Rural e conselheiro da Abraleite, explicou 2017 foi um ano atípico para o setor, visto que o preço despencou na entressafra, gerando uma série de prejuízos aos produtores rurais. 

De acordo com ele, no ano passado o preço do leite começou a cair em maio e só houve uma recuperação no começo deste ano. 

Outro problema apontado é a propaganda negativa contra o leite feita por empresas de bebidas de origem vegetal. O Ministério da Justiça acaba de determinar a retirada de propaganda de bebida vegetal considerada pejorativa ao leite e agressiva à classe produtora. “Já existe um Projeto de Lei em tramitação no Congresso que obriga a utilização da palavra leite somente para produtos que são exclusivamente leite. Leite de soja, leite de coco, leite de arroz, leite de amêndoa não poderiam mais usar a palavra leite.”, destaca.

Outros 17 Projetos de Lei que beneficiam a pecuária leiteira também estão em tramitação. E, para coibir o marketing negativo, a Abraleite iniciará em breve uma campanha nas redes sociais para mostrar os benefícios do leite.  

Atualmente, segundo Mello,o custo de produção do leite é um dos maiores do mundo e o preço pago ao produtor não permite uma boa rentabilidade, o que tem levado muitos a desistirem do negócio.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de Cultura FM 106,3 - Paranaíba

VEJA MAIS