Três Lagoas, 20 de setembro
34º C
(67) 99229-0519

Compras para o Dia dos Pais devem injentar R$ 6,7 milhões no comércio

Vestuário lidera a preferência para intenção de compras , seguido por perfumaria e calçados, segundo pesquisa da Fecomércio

Por Daiana Oliveira
25/07/2021 • 11h00
Compartilhar

O Dia dos Pais, neste ano, comemorado  dia 8 de agosto, pode proporcionar uma injeção de R$ 6,7 milhões no comércio de Três Lagoas, com a compra de presentes e artigos para comemoração. Isso é o que prevê pesquisa de intenção de consumo do Instituto de Pesquisa da Fecomércio MS (Federação do Comércio de Mato Grosso do Sul), em parceria com o Sebrae. 

A expectativa supera a de 2020, quando o valor da pesquisa foi de R$ 4,5 milhões. A estimativa para 2021 é um aumento de 47% para movimentar a economia do comércio da cidade. 

Dos R$ 6,7 milhões, somente com a compra de presentes, a data deve injetar R$ 3,42 milhões. Já com as comemorações, o montante previsto a ser injetado no comércio é de R$ 3,32 milhões.

JPNEWS: CONQUISTA SEGUROS BONIFICAÇÃO CONTRATO 37546
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Vestuário lidera a preferência de presentes para os pais, com 44% das intenções de compras. “Isto se deve também em razão do frio, mas, vestuário, calçado e perfume sempre são as principais preferências de presentes”, diz Sueide Torres, presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Três Lagoas (Sindivarejo).

A opção de perfumes para presentear os pais na data comemorativa representa 20% das intenções de acordo com a pesquisa, e calçados aparecem com 16%. 

Sueide comemora, mas diz que o cenário ainda se mostra instável e sabe que a retomada do consumo será gradativa com a redução de casos e óbitos e na medidasque mais  pessoas forem vacinadas contra a Covid-19.

“Aos poucos vamos retomando o fôlego, saber que neste ano a intenção de consumo é maior em relação ao ano passado, já é motivo de comemoração. As pessoas se sentem mais seguras para sair de suas casas, mas claro, todos os cuidados devem ser tomados e a orientação do Sindivarejo é para que os comerciantes cumpram à risca todos os protocolos para que não haja a disseminação do vírus”, alerta o presidente do Sidivarejo.

A pesquisa mostra que 78% das compras devem ser feitas em lojas físicas e 92% da população pretende entregar o presente presencialmente.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews

VEJA MAIS