RÁDIOS
Três Lagoas, 15 de julho

Jovem leva quatro tiros em bar no bairro Guanabara e é socorrido por moradores

Vítima está internada no Hospital Auxiliadora e quadro de saúde é considerado estável

Por Alfredo Neto
22/11/2021 • 09h48
Compartilhar

A Polícia Militar foi chamada na UPA (Unidade de Pronto Atendimento Médico) após um rapaz de 18 anos dar entrada na emergência com ferimentos causados por disparos de arma de fogo, na madrugada de domingo (21) em Três Lagoas.

Por volta das 01h45 de domingo, um jovem identificado pelas iniciais de K.M. dos S. de 18 anos teria dado entrada na UPA com ferimentos e foi levado por populares. Para os militares, os médicos relataram que a vítima havia sido alvejada por quatro disparos que acertaram o tórax, abdômen e antebraço esquerdo.

Devido o estado de saúde da vítima não foi possível coletar informações diretamente com o rapaz, mas uma testemunha que presenciou o momento em que o jovem deu entrada à UPA, com algumas pessoas, contou aos policiais militares que ouviu as pessoas dizendo que a vítima estava em um bar, no bairro Guanabara, quando quatro homens teriam chegado ao local. Um deles sacado um revólver e efetuado os disparos contra a vítima por quatro vezes.

Mesmo sem muitas informações de características dos autores ou a identificação deles, os militares realizaram rondas pelo bairro Guanabara, mas ninguém soube informar qual bar seria o da tentativa de homicídio. Após rondas pela região, os policiais foram para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário), onde registraram o boletim de ocorrência por tentativa de homicídio.

Em nota, o Hospital Auxiliadora informou que o jovem deu entrada às 4h30 de domingo, na emergência do hospital, levado pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) em uma transferência da UPA. Após exames médicos, a vítima foi submetida a uma cirurgia e levada para o leito, onde se recupera dos ferimentos e o estado de saúde é considerado estável.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews Três Lagoas