ARTIGOS

Falta uma pista de atletismo

Confira o Editorial do Jornal do Povo, da edição deste sábado (4/9)

Por Israel Espíndola
04/09/2021 • 06h30
Compartilhar

Três Lagoas é um celeiro de revelação de atletas nas mais diversas modalidades. Para não citar todos os nomes campeões, lembra-se de Zequinha Barbosa nas pistas de atletismo, a saudosa Ruth no basquete e nesta paralímpiadas de 2020 que se realiza em Tóquio, Silvânia repete o nível de excelência atlética ao conquistar medalha de ouro no salto à distância.

A lista de atletas bem sucedidos é longa. Bons técnicos, bons atletas Três Lagoas tem. Mas, falta infraestrutura, assim como mais atenção dos governantes. Lembra-se que certa feita na orla da Lagoa Maior pretendeu-se construir uma pista de atletismo.

Até homenagearam com o nome de Zequinha Barbosa essa grande figura treslagoense, que não cansa de proclamar o seu amor pela nossa terra lá dos Estados Unidos, onde mora e exerce suas atividades de treinador.

Se a cidade tivesse uma pista de atletismo quantos valores teriam sido revelados? Só não tem porque não priorizaram até hoje prá valer as atividades esportivas. O antigo estádio da Aden, que leva o nome de Ubaldo de Medeiros em homenagem ao antigo diretor da Estrada de Ferro Noroeste do Brasil é o lugar mais adequado para ser transformado em um centro poliesportivo, inclusive, para a implantação de uma pista de atletismo em torno do seu gramado.

A atual administração municipal que tem apresentado um saldo positivo com a realização de obras de infraestrutura urbana construindo galerias de captação de águas de chuva e pavimentando ruas da cidade, certamente, deveria priorizar a elaboração de estudos concebidos por arquitetos especializados em um centro poliesportivo.

E, marcar na vida dos desportos da nossa cidade mais um mais ponto positivo em favor das inúmeras modalidades esportivas e dos cuidados com a saúde dos adeptos do bem estar físico e mental. Reconstruir as arquibancadas do antigo estádio de futebol aproveitando a estrutura de trilhos que lá se encontra intacta seria o primeiro passo tal qual como realizar uma obra de restauração de um lugar que abrigou as antigas torcidas dos times do Noroeste, do Comercial e depois do Dom Bosco.

A infraestrutura do antigo estádio revitalizada e aperfeiçoada, além da excelente localização urbana, fará do local um invejável centro poliesportivo, que inclusive poderá ter pista de caminhadas e várias quadras esportivas para o desenvolvimento das mais variadas modalidades.

Entre elas, a pista de atletismo comas configurações técnicas da modernidade, certamente, tornar-se-á o centro de revelação de jovens atletas. Como já se disse, bons professores de educação física e técnicos nas mais diversas modalidades não faltam à cidade. Infelizmente, o que falta é priorizar e estimular a saudável prática do esporte, que bem orientado assegurará a conquista de medalhas como foi no passado com Zequinha, Ruth e hoje, com a atleta paralímpica Silvânia, entre outros, para os futuros e reveladores valores do esporte três lagoense.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de Artigos

VEJA MAIS