Campo Grande, 26 de outubro
23º C
(67) 99229-0519

Maior disponibilidade de milho pressiona valor do grão

Fim da colheita no Brasil e início nos Estados Unidos influenciam queda no preço

Por Giovanna Dauzacker
13/10/2021 • 13h30
Compartilhar

Os preços do milho estão em queda nas principais praças do país. Em Mato Grosso do Sul, no geral, a saca de 60 kg apresentou redução no início de setembro e agora segue estável, custando, em média, R$ 81,75, segundo dados do Sistema Famasul.

O que tem pressionado o valor do grão, de acordo com analistas, é a maior disponibilidade do cereal em razão do fim da colheita da segunda safra e importações brasileiras em alta, já que o governo suspendeu a cobrança de PIS e CONFINS da compra de milho até o fim do ano.

Outro fator que influencia a redução é o início da colheita da safra 2021/22 do cereal nos Estados Unidos, que pressiona as cotações no mercado externo.

Para curto prazo, a previsão é de viés baixista. No entanto, o dólar em alta mantém o valor estável.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de CBN Campo Grande