Campo Grande, 09 de dezembro
26º C
(67) 99229-0519

Preço da saca do milho cai com ritmo lento das exportações

Valor chegou praticamente ao mesmo patamar do praticado no ano passado no estado

Por Giovanna Dauzacker
25/11/2021 • 15h30
Compartilhar

O ritmo lento das exportações e a demanda retraída influenciam na queda do preço da saca de 60 kg do milho, redução também atribuída ao bom andamento do plantio da safra verão em algumas localidades do país, que pressionam as cotações internas do cereal.

Segundo o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), compradores se mantêm afastados das negociações, na expectativa da continuidade das reduções, enquanto alguns vendedores, com necessidade de liberar espaço nos armazéns, negociam o milho a preços mais baixos.

O indicador parcial de novembro do Cepea registrou a menor média do valor em 14 meses. Em Mato Grosso do Sul, os preços praticamente se igualaram aos praticados no mesmo período do ano passado.

Neste mês, a saca custa, em média, R$ 72,35 no estado, alta de 2,33% com relação ao preço de 2020, de R$ 70,70/sc, segundo dados do Sistema de Informação Geográfica do Agronegócio (SIGA/MS).

Entre as praças, as quedas mais significativas foram em Campo Grande, de 10,26%, na semana de 16 a 22 de novembro, e em São Gabriel o Oeste, de 9,33% no mesmo período. 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de CBN Campo Grande