RÁDIOS
Paranaíba, 16 de junho

Índice de Infestação Predial para Aedes aegypti está em 0,7% em Paranaíba

A maioria dos focos do mosquito foram encontrados dentro das residências

Por Talita Matsushita
22/05/2024 • 16h21
Compartilhar

No segundo Levantamento Rápido de Índice para Aedes aegypti (LIRAa) de 2024, Paranaíba atingiu um índice de infestação pelo mosquito-da-dengue de 0,7%, classificado como “satisfatório” pelo Ministério da Saúde. O LIRAa é uma metodologia que permite o conhecimento rápido, por amostragem, da quantidade de imóveis com a presença de recipientes contendo larvas do Aedes aegypti, transmissor da dengue, zika e chikungunya.

O levantamento foi realizado em Paranaíba entre os dias 5 e 11 de maio, inspecionando 857 imóveis sorteados aleatoriamente por uma plataforma do Ministério da Saúde. O Índice de Infestação Predial (IIP) foi de 0,7%.

A maioria dos focos do mosquito foram encontrados dentro das residências. Os tipos de depósitos mais frequentes foram: ralos; vasos sanitários em desuso; tanques em obras e borracharias; piscinas e; fontes ornamentais.

Para manter o índice de infestação baixo, é crucial que a população participe ativamente na eliminação de possíveis criadouros do Aedes aegypti.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de Cultura FM 106,3 - Paranaíba