RÁDIOS
Três Lagoas, 19 de abril

Casos de Covid-19 aumentam e Saúde prevê racionalizar testes em Três Lagoas

Unidades recebem testes conforme a demanda e casos devem continuar aumentando devido o período pós carnaval, diz médico

Por Sidney Cardoso
21/02/2024 • 09h48
Compartilhar

Diversos munícipios de Mato Grosso do Sul registraram aumento de casos de Covid-19, entre janeiro e fevereiro de 2024. Ao todo, são mais de 550 pessoas infectadas. Em Três Lagoas a quantidade de moradores diagnosticados com o vírus também subiu.

Com o reflexo, a procura por teste rápido da covid também cresceu e o dispositivo já está em falta em vários municípios. Em Campo Grande, as unidades de saúde estão sem estoque do teste, como confirmou a Secretaria Municipal de Saúde, o que tem preocupado autoridades.

As unidades de saúde de Três Lagoas ainda possuem estoque de teste de covid, mas a Secretaria Municipal por meio da Vigilância Epidemiológica prevê também uma racionalização conforme o aumento de casos da doença na cidade.

JPNEWS: BANNER RCN NOTICIAS PATROCINADO ATUALIZADO 27.03.2024
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Segundo o médico da família e comunidade, Vinicius Neves, além das unidades de saúde, os hospitais de Três Lagoas também estão abastecidos com testes do coronavírus, mas a racionalização deve ser uma medida tomada nas próximas semanas.

“A gente acredita que seja uma medida nas próximas semanas, porque os testes eram fornecidos pela Secretaria de Saúde do estado. E já fomos informados que essa quantidade de testes deve diminuir e que, não vamos receber mais via estado”, explicou o médico Vinicius Neves.

Em três lagoas há dez unidades básicas de saúde que disponibilizam testes rápidos da covid, e as que não realizam o atendimento, direcionam o paciente para o posto mais próximo. O setor alerta para que a população continue com os cuidados básico de saúde para evitar a propagação da doença na região.

A dona de casa Marilza Lopes está sempre atenta aos testes disponíveis nas unidades de saúde para evitar ser contaminada pelo vírus, ela diz que já fez o teste mais de uma vez. “Três vezes, uma em Belo Horizonte e duas em Três Lagoas. O resultado dos testes deu negativo", contou.

O médico da comunidade reforça ainda que, as unidades recebem os testes conforme a demanda, e ele observa que os casos devem continuar aumentando devido o período pós carnaval.

Confira abaixo a reportagem sobre o assunto:

 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews Três Lagoas