RÁDIOS
Três Lagoas, 15 de julho

Costureira completa 103 anos e dá exemplo de disposição: 'produzo tapetes e sem óculos'

Dona Albina é moradora do bairro Vila Nova, em Três Lagoas

Por Redação
26/11/2021 • 11h01
Compartilhar

Viver mais de um século e ter uma disposição que nos serve de lição. Esse é o exemplo da dona Albina de Souza Silva, que tem 103 anos, e é moradora do bairro Vila Nova, em Três Lagoas. Nem mesmo a idade avançada a impede de se dedicar ao que tanto ama: costurar tapetes. Todos os dias, dona Albina tira parte do dia para produzir os tapetes.

E olha que é ela quem coloca a linha na agulha com facilidade. Os tapetes são confeccionados em uma máquina de costura tocada a pedal. Depois de prontos, são vendidos para amigos, vizinhos, sendo que o dinheiro obtido com a comercialização ajuda a complementar a renda. “É R$ 10 reais cada tapete. Vendo baratinho para não ficar parada. E eu costuro sem óculos”, comemora a centenária.  

E a disposição não para por aí. Dona Albina ainda gosta de produzir sabão caseiro e cozinhar. Ela morava sozinha e dava conta de toda a casa. Atualmente passou a morar com um neto que ajudado a cuidar da avó.

Confira a reportagem abaixo:

 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews Três Lagoas