RÁDIOS
Três Lagoas, 15 de julho

Está preparado para o Enem 2021? Confira algumas dicas

Mais de 3 milhões estão inscritos para provas no dia 21 e 28

Por Redação
15/11/2021 • 15h02
Compartilhar

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021 terá duas modalidades, a impressa e a digital. Este é o segundo ano de aplicação da modalidade digital do exame. Nesta edição, as duas versões serão nas mesmas datas – 21 e 28 de novembro – e os itens das provas e o tema da redação, iguais.

A versão impressa ainda concentra a maior parte dos candidatos. Segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), 3.109.762 estão inscritos no Enem 2021. Destes, 3.040.871 farão a prova impressa e 68.891, a digital.

O Enem digital foi aplicado pela primeira vez no início deste ano, na edição de 2020. Naquela  edição, porém, tanto as provas quanto as datas de realização foram diferentes das do Enem impresso. Em meio à pandemia, cerca de 70% dos inscritos não compareceram ao exame. A intenção é que, ano a ano, mais candidatos façam a prova no computador e que, até 2026, o Enem se torne totalmente digital.

Da mesma forma que os candidatos do Enem impresso, os inscritos para o formato digital devem ir até o local de prova, onde terão um computador disponível para fazer o exame. As máquinas terão acesso apenas à prova. Os candidatos também devem levar caneta esferográfica de tinta preta fabricada em material transparente, pois a redação, no primeiro dia do exame, é feita em papel. No segundo dia de prova, os estudantes receberão folhas de rascunho para fazer, à mão, caso desejem, os cálculos das provas de matemática e ciências da natureza.

JPNEWS: BANNER FAMÍLIA É TUDO 14.05 A 23.12.2024
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O sistema apresenta algumas facilidades: a marcação das questões é feita em tela, não é preciso, portanto, preencher o cartão de respostas ao final da prova; é possível navegar entre as questões e marcar aquelas que ainda não estão preenchidas e fazer anotações em tela. O Inep disponibilizou um tutorial no Youtube.

Dicas 

Na reta final, o preparo para o exame, em ambas as versões, é semelhante, afirmam os professores. “O ideal agora é focar em exercícios, simulados e em provas antigas. Dentro do limite do tempo e da disponibilidade que cada estudante tem, ele deve procurar as provas do primeiro dia de exame para ter modelos de questões -- provas de linguagens, ciências humanas e redação –  e cronometrar o tempo para fazer as provas. Pensar em estratégias de prova, entender como lidar com questões difíceis”, recomenda Duarte.

Na página do Inep, estão disponíveis as provas e os gabaritos de anos anteriores. 

Um dia antes do exame, a dica é descansar e ficar atento a recomendações como não comer nada pesado, dormir bem à noite, não estudar na manhã do dia da prova, para evitar estresse e conservar a saúde mental antes da prova, diz Braga.

Rafael Duarte lembra que, na semana passada, o clima foi de apreensão e insegurança entre os estudantes, por causa de demissões ocorridas no Inep. “O ideal é agora focar na preparação, esquecer esse ambiente conturbado e tentar não se influenciar pela atmosfera de incerteza”, diz. “É bom o aluno focar na prova e continuar a preparação dele para o Enem porque essa preocupação não vai trazer um resultado positivo.”

O exame será aplicado nos dias 21 e 28 de novembro. No primeiro dia, os estudantes farão as provas de linguagens, ciências humanas e redação. No segundo, matemática e ciências da natureza. Os locais de prova estão disponíveis no Cartão de Confirmação de Inscrição na Página do Participante. (Informações da Agência Brasil).

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews Três Lagoas