RÁDIOS
Três Lagoas, 25 de fevereiro

O bolo da Elektro

Prefeito Ângelo Guerreiro viraliza nas redes sociais ao satirizar a empresa responsável pela distribuição de energia

Por Redação
02/12/2023 • 07h56
Compartilhar

O prefeito da cidade, Ângelo Guerreiro, encontrou uma forma bem humorada para protestar contra a Elektro, que não atendeu durante três meses de solicitação da municipalidade para remover um poste cravado bem no meio do calçamento onde promove obras de revitalização na área da antiga linha férrea da antiga Estrada de Ferro da Noroeste do Brasil – a  NOB. Cansado de esperar e constatar que o poste era causa de atraso de conclusão de obra licitada com prazo de entrega mandou comprar um bolo de aniversário com vela tipo tocha, reuniu os funcionários da obra e cantou o parabéns prá você. 

A cena que teve ares de sacada folclórica, em verdade transmudou-se num protesto alegre, mas com endereço certo para a Elektro que insensível, não deu atenção para os apelos da administração municipal que trabalha com cronograma e quer ver concluídas as obras que inicia. Esse fato bem retrata a atenção que a Elektro dá aos consumidores da cidade, que na maioria das vezes aguardam dias e dias para a ligação de um padrão de energia ou a religação do mesmo na rede de abastecimento. Sem contar, que pouco investe na melhoria da rede de distribuição instalada há anos e que reclama por melhorias, considerando se o crescimento da cidade e do aumento de novas instalações comerciais.

Isso tudo, sem falar que não são poucos os estabelecimentos do comércio que querem instalar aparelhos de ar condicionado, mas que estão impossibilitados por conta da falta de capacidade de abastecimento da rede que reclama como se disse melhorias para suportar a demanda de consumo de energia elétrica. É certo que a Elektro é uma empresa privada, mas concessionária de serviço público. Portanto, deve atenção aos consumidores e ao poder público municipal, que interpreta os reclamos da comunidade e quer ampliar a execução de obras que melhoram a cidade e tornam a vida dos seus moradores com mais qualidade. Três Lagoas é uma das cidades que mais crescem no país e no Estado, por conta da atividade industrial, do comércio e do setor de serviços.

Certamente, a Elektro tem aqui no município considerável e atraente fonte de receita. Nunca poderia passar despercebido e sem atenção desta concessionária uma solicitação de interesse geral da cidade. Ainda mais, quando nesta área a prefeitura está empenhada na sua revitalização tendo construído os prédios da Feira Livre, a Central de Abastecimento da Agricultura Familiar, o Terminal de Ônibus Urbanos, além de ter dado início a construção da Cidade Luz, que será um espaço destinado a múltiplas atividades culturais e de entretenimento, reservando lugar para apresentação de peças teatrais, corais musicais, artesanato, entre outras. Sem falar que abriu licitação para a urbanização de toda a área ao longo da avenida Rosário Congro para  a implantação de um parque linear.

A Elektro não removeu o poste e ao dar um “bolo” na administração municipal ganhou outro com velinha e parabéns pra você como protesto pela desfaçatez com que trata todos que dela dependem de uma providência. 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews Três Lagoas