RÁDIOS
Três Lagoas, 27 de maio

Paciente é suspeita de furtar celular corporativo da UPA e bolsa de funcionária

Assistente social da unidade médica, em Três Lagoas, procurou a delegacia e registrou boletim de ocorrência

Por Alfredo Neto
16/04/2024 • 09h37
Compartilhar

Uma mulher, de 43 anos, foi denunciada por suspeita de furtar uma bolsa, de uma assistente social, e um celular corporativo da Unidade de Pronto Atendimento (UPA). O fato correu na noite desta segunda-feira (15), na unidade de saúde, que fica no bairro Vila Carioca, em Três Lagoas.

Na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac), a vítima contou que estava atendendo a mulher, que estaria em surto psiquiátrico, quando a mesma teria solicitado um papel em branco para escrever uma carta. No momento de distração da assistente social, a paciente então teria furtado a bolsa, que estava guardada em um armário, e pertencente à funcionária. A suspeita aproveitou também para furtar o celular corporativo da UPA. O aparelho estava dentro de uma gaveta. Após a ação criminosa, a mulher fugiu da unidade.

No entanto, a suspeita saiu do local, mas deixou o celular pessoal e a própria bolsa a qual usava na ocasião. A funcionária foi até a delegacia e relatou que, apesar dos objetos pessoais da suspeita terem ficado, ela fugiu com o celular da UPA e com a bolsa furtada de dentro do armário.

O caso foi registrado na Depac, como furto qualificado com abuso de confiança e será investigado pela 3ª Delegacia de Polícia Civil.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews Três Lagoas