RÁDIOS
Três Lagoas, 25 de fevereiro

Projeto 'Pipa sem Morte' é aprovado na Câmara Municipal de Três Lagoas

Ação busca conscientizar os alunos das redes municipais sobre o uso inadequado de linhas não autorizadas

Por Any Galvão
08/02/2024 • 13h29
Compartilhar

Após o falecimento de mulher vítima de um acidente com linha de pipa com cerol, a Câmara Municipal de Três Lagoas aprovou, durante a sessão de quarta-feira (7), o projeto de lei intitulado "Pipa Sem Morte".

O projeto de lei, apresentado pela vereadora Marisa Rocha, foi aprovado por unanimidade durante a primeira sessão ordinária da Câmara Municipal. A iniciativa foi motivada pelo ocorrido envolvendo a enfermeira Cátia Pavaneli, de 34 anos, que morreu ferida por uma linha com cerol enquanto transitava de moto pela rua Rogaciano Garcia Moreira.

O "Pipa Sem Morte" busca conscientizar os alunos das redes municipais sobre o uso inadequado de linhas não autorizadas, destacando a importância da prática esportiva com responsabilidade. As campanhas educativas vão ocorrer anualmente, nos meses de maio e setembro.

JPNEWS: BANNER RCN NOTICIAS PATROCINADO ATUALIZADO 23.02.2024
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Inicialmente, a vereadora Marisa Rocha havia elaborado um projeto de lei para proibir especificamente o uso de linha chilena e cerol. No entanto, devido à existência de uma legislação estadual que já abordava essas restrições, o projeto foi retirado de pauta. Além disso, há um projeto em tramitação no Congresso Nacional que visa estabelecer punições mais severas relacionadas a esse tema.

Confira a reportagem:

 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews Três Lagoas