RÁDIOS
Três Lagoas, 22 de julho

Três Lagoas não terá Carnaval em 2022

Dinheiro que seria investido no Carnaval do próximo ano, será utilizado na saúde, para a compra de kits de exames e procedimentos cirúrgicos

Por Ana Cristina Santos
20/11/2021 • 13h00
Compartilhar

Pelo segundo ano consecutivo, Três Lagoas não terá desfiles das escolas de samba e nem bailes populares organizados pela prefeitura, em 2022. Segundo o prefeito Ângelo Guerreiro (PSDB), o dinheiro que seria investido no Carnaval do próximo ano, será utilizado na saúde, com a compra de kits de exames e procedimentos cirúrgicos. Em 2019, Três Lagoas realizou o Carna Três Folia e também o desfile das escolas de samba.

Em decorrência da pandemia da Covid-19, cirurgias eletivas, exames, entre outros procedimentos, ficaram suspensos por meses, retornando de forma gradativa em junho deste ano. “Temos muitas famílias enlutadas ainda, a pandemia não chegou ao fim. Temos que trabalhar com muita responsabilidade e no decorrer dos últimos 20 meses, muitas cirurgias e exames ficaram suspensos, gerando um acumulo grande. Então, o recurso que seria utilizado no Carnaval, vamos realocar para saúde completar a compra de exames e cirurgias”, disse o prefeito.

Além de não realizar o Carnaval, Guerreiro adiantou que os gastos com as festividades do final do ano também serão reduzidos. Disse que vai haver decoração natalina no centro e alguns pontos da cidade, mas simples, reaproveitando, inclusive, materiais de anos anteriores. Guerreiro não informou quanto seria gasto com o Carnaval, mas ressaltou que a prefeitura vai aplicar R$ 5 milhões na compra de exames e pequenas cirurgias para atender a população.
Do início da pandemia até 17 de deste mês, Três Lagoas registrou 20.407 casos positivos de Covid-19 e 514 mortes.  “Esperamos que essa pandemia tenha um ponto final. E a maior obra que podemos fazer é cuidar da vida, da saúde das pessoas”, destacou Guerreiro. 

 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews Três Lagoas