RÁDIOS
Campo Grande, 18 de junho

Frente fria vinda da Argentina deve trazer chuva para o estado no próximo final de semana

Volume de chuva ser mais acentuado nas regiões sul e sudoeste de MS

Por Karina Anunciato
10/06/2024 • 11h00
Compartilhar

Uma frente fria com origem na região central da Argentina deve espalhar frio e chuva pelo Brasil nos próximos dias. Um dos locais afetados por esta mudança no tempo será Mato Grosso do Sul. A informação foi antecipada pelo meteorologista da Uniderp, Natálio Abrahão. Em entrevista ao Jornal CBN CG, ele explicou que devido ao bloqueio atmosférico presente em Mato Grosso do Sul, neste momento, as temperaturas devem ficar amenas, em torno de 14 a 15 graus nas temperaturas mínimas.

“Na região sul do país, deve ter chuva e frio mais intenso, mas por aqui será um final de semana de pouco sol, será comum a presença de nevoeiros e o volume de chuva mais significativo será na região sul e sudoeste do estado, com valores entre 15 a 20 milímetros”. Em Campo Grande, o volume de chuva será menor, cerca de 10 a 15 milímetros.

No dia 21 de junho está marcada a mudança da estação, fim do outono e início do inverno. De acordo com o meteorologista a próxima estação será marcada pela neutralidade da atuação dos fenômenos El Ninõ e La Ninã. “De julho a agosto a La Ninã deve atuar com tempo seco e irregularidades sobre o estado. No entanto, está prevista a chegada de uma massa de ar polar, esta sim, com frio. Não deve ter chuva, mas os termômetros podem registrar mínimas de 10 graus com geadas".

Para a agricultura, Abrahão faz um alerta para a escassez. “Os produtores precisam escolher muito bem as sementes para o plantio em setembro. Esta situação de alerta para o segundo semestre de 2024 deve se estender até 2025”. Acompanhe a entrevista completa.

 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de CBN Campo Grande