RÁDIOS
Ap. do Taboado, 28 de fevereiro

Mauro Sampaio e Claudinei Paulo da Silva explicam votação de denúncia contra colega

Andrey dos Reis teria revelado conhecer caso de corrupção entre vereadores

Por Gabrielly Almeida
11/06/2019 • 12h10
Compartilhar

A Câmara de Aparecida do Taboado decidiu arquivar por 5 votos a 3 denúncia de quebra de decoro parlamentar contra o vereador Andrey dos Reis (PSDB), na sessão desta segunda-feira (10). O parlamentar teria levantado suspeita de compra de votos, por colegas, na escolha do presidente da Câmara para este ano e 2020, em dezembro do ano passado.

A declaração que gerou a denúncia para investigar Andrey teria ocorrido em sessão extraordinária, em 6 de fevereiro, na votação de um processo de cassação do prefeito Robson "Robinho" Samara (PSB), dia 6 de fevereiro. "Se me apertar, eu conto", teria dito o vereador.

Por liminar da juíza Kelly Gaspar Duarte Neves, em ação movida por Gustavo Oliveira de Achilles(empresário), Andrey dos Reis e o vereador José Rodrigues de Matos, o Zezão, do PT, foram afastados para votação da denúncia. No lugar deles assumiram os suplentes Mauro Sampaio (PSDB) e Claudinei Paulo da Silva (Solidariedade), respectivamente. 

Acompanhe:

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de Cultura FM 105,5 - Aparecida do Taboado