RÁDIOS
Paranaíba, 13 de julho

Governo inicia drenagem e obras de reforma no aeródromo de Paranaíba

Plano Aeroviário do Estado prevê aporte de R$ 5,3 milhões para a cidade e R$ 250 milhões em outros 20 aeroportos de MS

Por Kelly Martins
15/06/2024 • 15h30
Compartilhar

Com um aporte de R$ 5,3 milhões do Governo de Mato Grosso do Sul, o aeródromo de Paranaíba começou a receber obras de reforma para garantir maior segurança nas operações aéreas e impulsionar o desenvolvimento econômico da região. Nesta semana, foi iniciada a execução da obra de drenagem. A reforma é parte integrante do Plano Aeroviário do Governo do Estado de Mato Grosso do Sul. 

Os serviços previstos no aeroporto incluem a restauração da pista de pouso e decolagem, taxiway (trecho  de ligação da pista ao pátio) e do pátio de aeronaves do aeródromo. As melhorias são essenciais para possibilitar um maior fluxo de aeronaves e, consequentemente, atrair investimentos e fomentar o turismo local. 

A previsão é que os trabalhos sejam concluídos em até 180 dias após o início da obra, conforme cronograma da obra. 

CULTURA PBA: BANNER INSTITUCIONAL
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O Plano Aeroviário do Estado prevê a aplicação de R$ 250 milhões em melhorias em 21 aeroportos e aeródromos em todo o Mato Grosso do Sul até 2025. O objetivo é modernizar a infraestrutura aeroportuária do estado, tornando-a mais eficiente e atrativa para investimentos.

O secretário de Infraestrutura e Logística (Seilog-MS), Helio Peluffo, destacou que as obras no aeródromo de Paranaíba vão gerar diversos benefícios. “Estes investimentos abrangem obras de reformas, adequações de pista, cercas e do terminal de passageiros, visando potencializar o turismo, gerar empregos e aumentar a renda da população local”. Além disso, Peluffo aponta para o impacto positivo dessas melhorias na atração de novos investimentos para as regiões beneficiadas.

Além de atender a demanda das empresas e do setor industrial, principalmente com a instalação de mais indústrias de celulose no estado,  o secretário destacou que a aviação regional também será importante para atender a demanda na área da saúde, pois muitas vezes pacientes precisam ser transportados com urgência para a capital.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de Cultura FM 106,3 - Paranaíba