RÁDIOS
Três Lagoas, 16 de junho

Campanha de vacinação contra poliomielite em Três Lagoas inicia a partir do dia 27 de maio

Objetivo é imunizar crianças de 1 a 4 anos, mesmo aquelas que já estão com a vacinação em dia

Por Redação JPNews
20/05/2024 • 14h15
Compartilhar

A partir do dia 27 de maio até 14 de junho, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Três Lagoas, em parceria com o Rotary Club e a Secretaria Municipal de Educação e Cultura (Semec), promoverá uma campanha de vacinação contra a poliomielite. Este movimento nacional visa vacinar todas as crianças de 1 a 4 anos, mesmo aquelas que já estão com a vacinação em dia.

A razão para a vacinação indiscriminada de todas as crianças nesta faixa etária é o risco de retorno da doença no Brasil, devido aos baixos índices de imunização nos últimos anos em todo o território nacional. A meta é alcançar 95% do público-alvo, composto por 7.351 crianças três-lagoenses, utilizando a dose em gota (via oral).

De acordo com a coordenação municipal de Imunização, a vacina estará disponível em todas as unidades de saúde, de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 17h30. Além disso, mutirões de vacinação serão realizados nas escolas e Centros de Educação Infantil (CEIs), mediante autorização por escrito dos pais e responsáveis pela criança.

JPNEWS: BANNER FAMÍLIA É TUDO 14.05 A 23.12.2024
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Importante saber

Mesmo aquelas crianças que estão com a caderneta de vacinação em dia, ou seja, todas as doses estabelecidas para a faixa etária, ela deve receber essa dose em forma de gotinha, garantindo assim um reforço na imunização. Além disso, as crianças que ainda não se imunizaram com as doses de rotina e tomarem essa gotinha, não estão isentas de receber as demais doses estabelecidas pelo calendário nacional, pois essa dose (via oral) é um reforço excepcional, devido ao risco de retorno da doença.

Risco de retorno

O último caso de poliomielite no Brasil ocorreu em 1989, e em 1994, o país recebeu a certificação de área livre de circulação do poliovírus selvagem. No entanto, em 2023 o país foi classificado como de alto risco para a reintrodução do poliovírus pela Comissão Regional para a Certificação da Erradicação da Poliomielite na Região das Américas (RCC).

Cobertura municipal

Apesar da baixa cobertura em muitos municípios, em Três Lagoas as ações de imunização foram eficazes, sendo que em 2023, conforme dados da SMS, ano em que a vacinação para o grupo de crianças até 1 ano de idade, a cobertura contra poliomielite foi de 93,89% e até 4 anos de idade, 92,06%. Já neste ano, até o momento, 95,70% das crianças até 1 ano foram imunizadas e até 4, 92,32% já receberam a dose.

Lembrando que, mesmo crianças que já receberam as doses contra a doença devem procurar uma unidade de saúde ou ser imunizada no ambiente escolar com a gotinha de reforço da campanha 2024.

*Com informações da Prefeitura de Três Lagoas

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews Três Lagoas