Três Lagoas, 26 de setembro
28º C
(67) 99229-0519

DAM registra 4 agressões a mulher por dia

Maioria dos casos de agressão é motivada pelo fim do relacionamento

Por Kelly Martins
08/09/2019 • 06h59
Compartilhar

Somente neste ano, mais de mil boletins de ocorrências de violência doméstica foram registrados na Delegacia de Atendimento à Mulher (DAM) de Três Lagoas. O número representa que, ao menos, quatro mulheres são agredidas por dia entre os meses de janeiro e agosto. Na maioria dos casos, o agressor é o namorado, marido, companheiro ou um ex. A maioria dos casos de agressão é motivada pelo fim do relacionamento ou quando a mulher consegue ter independência financeira.

O único progresso apontado pela delegada Letícia Mobis, titular da DAM, nos últimos anos, é o aumento de denúncias. “As mulheres estão mais conscientes dos direitos garantidos e com menos receio ou medo de pedir ajuda às autoridades. Elas vêm até a delegacia e registram a ocorrência. Ou então ligam pelo Disk 100 e relatam a situação”, observou da delegada.

MEDIDAS PROTETIVAS
Em Três Lagoas há mais de 620 mulheres vítimas de violência doméstica que conseguiram medida protetiva na Justiça.

De acordo com dados do Poder Judiciário, os casos são analisados detalhadamente e, normalmente, toda a proteção requerida pela vítima é aceita. No entanto, só a metade dos boletins de ocorrência vira peça judicial, com pedido de proteção. 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews

VEJA MAIS