RÁDIOS
Três Lagoas, 28 de fevereiro

Estoque de vacinas contra Gripe acaba em todas unidades de saúde de Três Lagoas

Setor de Imunização aguarda chegada de nova remessa de doses de vacina para próxima quinta-feira (16)

Por Tatiane Simon
09/05/2019 • 09h38
Compartilhar

O estoque de vacinas contra Gripe Influenza do tipo trivalente, disponível na rede pública de saúde de Três Lagoas, esgotou em todas as unidades de saúde do município nesta quarta-feira (8). A vacina, que protege contra os dois tipos da Influenza A (H1N1 e H3N2) e contra o vírus da Influenza B, também não é encontrada no centro distribuidor do município, que é o Setor de Imunização, instalado dentro do Centro de Especialidades Médicas (CEM), no bairro Santos Dumont.

De acordo com o Setor, as doses da vacina acabaram na manhã de ontem em todos os postos de saúde e uma nova remessa deve chegar ao município somente na próxima quarta-feira (15) e estará disponível para a população no dia seguinte.

A falta de doses da vacina não significa que o município tenha atingido a meta. Segundo o Setor de Imunização, o Ministério da Saúde tem enviado pequenas doses de vacina a cada remessa e, por isso, a baixa no estoque.

JPNEWS: BANNER RCN NOTICIAS PATROCINADO ATUALIZADO 23.02.2024
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A meta é vacina até o final da campanha 30.472 moradores de Três Lagoas. Até o momento, mais 75% do público alvo está imunizado. A meta do Ministério da Saúde é imunizar 58,6 milhões de pessoas que integram os grupos de risco em todo o país até o dia 31 de maio.

Público alvo

Devem procurar a vacina: crianças de seis meses a seis anos incompletos; gestantes em qualquer tempo de gravidez; idosos e idosas acima de 60 anos; profissionais da Saúde, mediante a comprovação da respectiva função; as puérperas, que são as mulheres que deram à luz recentemente, ou seja, até 45 dias após o parto; doentes crônicos, com apresentação obrigatória de receita médica; professores e professoras que trabalham em sala de aula na Educação pública e particular, também mediante apresentação de comprovação funcional, por meio de holerite ou crachá; e adolescentes e jovens, de 12 a 21 anos, em cumprimento de medidas sócio educativas em Unidade Educacional de Internação (UNEI).

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews Três Lagoas