RÁDIOS
Três Lagoas, 18 de junho

Gestores destacam ações e investimentos no trânsito de Três Lagoas

Serão revitalizadas sinalizações e instalados novos radares e semáforos no trânsito da cidade

Por Sidney Cardoso
17/05/2024 • 12h49
Compartilhar

O programa RCN Notícias, desta sexta-feira (17), recebeu o secretário geral da prefeitura de Três Lagoas, Coronel Gil Alexandre, e o diretor do Departamento de Trânsito de Três Lagoas, Edgard Wegner, para falar sobre as ações e os investimentos no trânsito da cidade.

O secretário Gil Alexandre informou que está sendo feita a revitalização de sinalização e a instalação de novos semáforos e radares em ruas e avenidas, em Três Lagoas. “As sinalizações vão sumindo com as intempéries e precisam ser renovadas. Os semáforos e radares serão colocados em pontos críticos”, explicou.

Alguns locais que vão receber semáforos serão na avenida Filinto Muller, próximo a uma panificadora, e também, no trecho entre a rua Alcinda Mendes e a rua Egídio Thomé. “Os semáforos são colocados mediante a estudos, para saber se há necessidade de instalação. Recebemos também solicitação da população, então enviamos uma equipe para analisar”, detalhou.

JPNEWS: BANNER  CASA DOS SONHOS CONTR. 28807 01.02 A 31.10.2024 ATUAL. 05.04.2024
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Serão instalados também nove radares no trânsito de Três Lagoas, em junho deste ano. A avenida Olinto Mancini é uma das que receberá radar de 40 km/h, devido ter o maior registro de acidentes, mesmo sendo uma das mais bem sinalizadas da cidade. “A instalação de radar é devido aos números de acidentes. A escolha da velocidade é adaptada a via, se for 40 km/h é porque queremos que seja reduzida a velocidade nesse local”, explicou o diretor de trânsito, Edgard Wegner.

Apesar dos investimentos e ações educativas, acidentes ainda são registrados no trânsito. Em 2024, já foram contabilizadas cinco mortes de sinistros de trânsito. “A imprudência é o fator mais corriqueiro nos acidentes de trânsito, que acontecem em vias, extremamente, sinalizadas. Mesmo com uma boa engenharia, ações educativas e fiscalização acaba acontecendo esses episódios. Alguns dizem que é utópico, mas vamos trabalhar para zerar esses números”, pontou o diretor.  

Confira na entrevista abaixo:

 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews Três Lagoas