RÁDIOS
Três Lagoas, 21 de maio

Homem vai à delegacia após ex-mulher invadir restaurante e causar transtorno

Há medida protetiva contra o empresário, mas a mulher violou as regras ao ir atrás do ex

Por Alfredo Neto
12/05/2022 • 07h30
Compartilhar

Um comerciante buscou ajuda na 1ª Delegacia de Polícia Civil após ter seu estabelecimento comercial invadido pela ex-mulher, que tem 37 anos, e alterada, causar transtorno no local, durante esta quarta-feira (11), na rua Paranaíba, Centro de Três Lagoas.

O homem contou na delegacia que tem medida protetiva contra sua ex-convivente e que ele não pode se aproximar dela, mas segundo ele, a mulher teria ido até seu restaurante e passado a causar um tumulto no local.

Por ter sido alertado pela Justiça que não deveria se aproximar da ex-mulher, o empresário foi até a 1ª DP, onde informou que a mesma que teria invadido o comércio e causado um transtorno no local, ela mesmo infringindo a restrição imposta pela justiça para à proteção física dela.

O boletim de ocorrência por desobediência judicial sobre perda ou suspensão de direito foi registrado para salvaguardar o comerciante juridicamente caso seja necessário.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews