RÁDIOS
Três Lagoas, 16 de agosto

Indústria deve gerar 300 empregos até dezembro

Durante o encontro, Faber ressaltou que pretende dobrar a produção da indústria

Por Thalita Matsushita
02/07/2022 • 08h30
Compartilhar

A empresa Pais & Filhos, com matriz em Aparecida do Taboado, apresentou, nesta semana, a indústria, sua logística, faturamento e geração de empregos para a gestão de Paranaíba, onde pretende abrir uma filial. A empresa produz jogos e brinquedos educativos.


O empresário Faber Lalucci, proprietário da indústria, apresentou ainda os projetos futuros de sua ampla linha de produtos. “É muito importante este momento de vocês estarem aqui para olharem este histórico, para que saibam que faremos uma linha muito manual que deve continuar produzindo durante o ano todo. Paranaíba é um local para gerar empregos”, disse.


Durante o encontro, Faber ressaltou que pretende dobrar a produção da indústria para atender sua demanda e investimentos e, consequentemente, gerar mais empregos.


De 2018 a 2021, a empresa adquiriu diversas máquinas e ampliou de 700 para 1.250 colaboradores. O objetivo da indústria é gerar, em Paranaíba, 300 empregos diretos até dezembro.


O secretário de Desenvolvimento, Edivando Quirino, agradeceu ao empresário por abrir as portas da fábrica para a visita técnica e pela escolha por Paranaíba para receber a sua filial.


O prefeito Maycol Queiroz foi convidado pelo empresário Faber Lalucci para ir ao município vizinho de Aparecida do Taboado acompanhado dos vereadores e dos secretários de Desenvolvimento Econômico, Edivando Quirino, e do secretário de Governo, Juninho do Kézio para visitar a fábrica da empresa.


EMPRESA 


A Pais & Filhos está instalada em Aparecida do Taboado desde 1999 e atualmente emprega cerca de 950 colaboradores diretos, entre efetivos e temporários, e produz uma grande variedade de brinquedos, sendo um dos maiores fabricantes nacionais de jogos de tabuleiro e quebra-cabeças. (Talita Matsushita)

 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de Três Lagoas