RÁDIOS
Três Lagoas, 24 de abril

Polícia Civil reforça policiamento na área Central de Três Lagoas contra onda de furtos

Na madrugada de quinta-feira (22), cinco lojas foram alvo de criminosos em poucas horas

Por Any Galvão
23/02/2024 • 14h39
Compartilhar

Uma onda de furtos está deixando comerciantes e a população apreensiva, em Três Lagoas. Somente na madrugada de quinta-feira (22), cinco lojas foram alvo de criminosos.

As câmeras de segurança não são mais motivo para impedir os furtos nas lojas da área Central do munícipio. Apenas em poucas horas durante a madrugada, vários estabelecimentos foram invadidos. Em uma loja de celulares, por volta das 2h da manhã, um bandido invadiu mesmo com o alarme disparado. O ladrão foi direto ao caixa, de onde levou fones de ouvido e outros produtos.

Em outra loja, de tintas, o ladrão quebrou a porta de vidro. Como não encontrou o que procurava, fugiu sem levar nada, mas deixou prejuízo. No terceiro estabelecimento, uma loja de cosméticos, toda a ação criminosa também foi filmada. Por volta das 5h11 da manhã, o ladrão usou uma pedra para arremessar e quebrar a porta de vidro. Novamente, foi direto ao caixa. 

JPNEWS: BANNER RCN NOTICIAS PATROCINADO ATUALIZADO 27.03.2024
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

No total, foram cinco arrombamentos na área Central de Três Lagoas. A Polícia Militar não conseguiu prender os autores em nenhum dos casos.

O delegado regional da Polícia Civil de Três Lagoas, Airton Pereira, afirmou que a forma como as lojas foram arrombadas revela que os autores são dependentes químicos, destacando um problema sério no sistema judicial brasileiro.

Airton também afirma que o policiamento tem sido reforçado na área Central. Segundo ele, muitos suspeitos, a maioria usuários de drogas e moradores de rua, são detidos em flagrante. Embora a polícia tenha realizado prisões, devido a questões jurídicas, os autores são liberados e acabam voltando a cometer crimes novamente.

Recentemente, uma grande rede de eletrodomésticos também foi alvo de arrombamento, resultando no roubo de cerca de R$ 70 mil em dinheiro. O delegado observou que esse furto é diferente dos outros, sugerindo que os criminosos são especializados e provavelmente tinham conhecimento da movimentação dentro da loja.

Confira a reportagem abaixo:

 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews Três Lagoas