RÁDIOS
Três Lagoas, 29 de junho

Setor da saúde vira palco de discussão dentro e fora da Câmara de Vereadores

Confira a coluna Observatório do Jornal do Povo, na edição que circula neste sábado (23)

Por Redação
23/04/2022 • 11h00
Compartilhar

DISCUSSÃO
Na sessão desta semana da Câmara de Vereadores de Três Lagoas a Saúde foi palco de muita discussão. Tudo começou porque a vereadora Sayure Baez falou que o serviço de saúde em Três Lagoas é um lixo. Imediatamente, vereadores da base do prefeito Ângelo Guerreiro (PSDB), saíram em defesa dos serviços prestados nesta área em Três Lagoas e criticaram a postura da colega pela palavra pejorativa usada para falar do serviço.

REBATEU 
Em entrevista ao RCN Notícias da TVC e Cultura FM, o prefeito Ângelo Guerreiro rebateu a declaração da vereadora, falando dos investimentos que estava entregando e anunciando na área da saúde. Guerreiro disse ainda que a saúde nunca será 100%, mas que muitas melhorias foram feitas na saúde nos últimos anos. Destacou que a oposição sadia, construtiva, é muito bem vinda para a administração municipal, mas simplesmente, para denegrir, não contribui em nada.

CRITICOU
A pré-candidata à presidência da República senadora Simone Tebet (MDB-MS) criticou, nesta quinta-feira, o presidente Jair Bolsonaro (PL) por ter dado o indulto individual da graça ao deputado federal Daniel Silveira, condenado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) por 8 anos e 9 meses. “Dar graça, por decreto, a um condenado pelo STF por atentado à democracia, é desvio de finalidade e um ato inconstitucional. O presidente da República violou, ele próprio, a Constituição. Um golpe contra a democracia. É crime de responsabilidade”, disse.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews