RÁDIOS
Três Lagoas, 21 de maio

Trabalhador é executado com 14 tiros e morte pode ter sido por engano

Uma mulher teria acusado a vítima de estupro e depois disse que seria alguém parecido com ele

Por Alfredo Neto
21/12/2021 • 16h02
Compartilhar

Uma execução foi registrada na tarde desta terça-feira (21) na rua Bernardino Mendes, bairro Jardim Ipacaray, região Oeste de Três Lagoas.

No início da tarde desta terça-feira (21) a Polícia Militar foi chamada para atender uma ocorrência de homicídio no bairro Ipacaray, chegando no local os militares do 2º BPM (Batalhão de Polícia Militar) constataram que Francisco Guitemberg Vieira Pinto 53 anos, havia sido executado com mais de 14 tiros de pistola.

Após confirmar a execução a PM isolou o local e acionou a Polícia Civil e a perícia técnica. Francisco Nunes estava em uma esquina no ponto para embarque do ônibus que o levaria para o trabalho, quando foi surpreendido pelo assassino ainda não identificado, que disparou por diversas a queima roupa contra à vítima.

RCN 67 TODAS AS PAGINAS: BANNER RCN EM AÇÃO MUSSAK DE 02.03 A 01.06.2022
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Francisco Guitemberg Vieira Pinto foi alvejado por diversas vezes na cabeça e no peito, na altura do coração, os tiros também acertaram braços e pernas da vítima. ainda no local a esposa, familiares e amigos de Francisco buscavam entender o que teria acontecido para esse homicídio cruel.

Testemunhas relataram para policiais civis e militares que Francisco havia sido acusado por uma moradora das imediações de onde residia, de tê-la abusado sexualmente, criminosos teriam ido até a casa da vítima na intenção de agredi-lo, mas a vítima teria negado a versão da ‘tal’ mulher. Ainda no local uma mulher teria ido conferir se a vítima havia sido executada e segundo relato dessas testemunhas dito, “não tenho certeza se era ele, era parecido, mas tinha que esperar eu fazer o boletim de ocorrência”.

 A identidade desta tal mulher não foi informada e nem se algum suspeito de ter cometido o crime havia sido identificado. Para à Polícia Civil ainda é prematuro afirmar as causas da execução, mas a possibilidade que Francisco tenha sido assassinado por engano, não é descartada.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews