RÁDIOS
Três Lagoas, 28 de fevereiro

Três Lagoas registra 97 novos casos de HIV em menos de um ano

Dia Internacional de Luta contra o HIV e a Aids é lembrado em 1º de dezembro

Por Any Galvão
01/12/2023 • 12h37
Compartilhar

Nesta sexta-feira (1º), é celebrado o Dia Internacional de Luta contra o HIV e a Aids, que ainda é um assunto considerado um tabu pela maioria da população. A falta de conhecimento e os estigmas associados à doença resultam em descuidos por parte das pessoas, negligenciando a importância da prevenção.

A transmissão do vírus da imunodeficiência humana (HIV) e da síndrome da imunodeficiência adquirida (Aids), ocorre, na maioria das vezes, através de relações sexuais desprotegidas. No entanto, há outras vias, como o contato com sangue contaminado e a transmissão vertical, que ocorre de mãe para filho durante a gestação e amamentação. Nestes casos, o acompanhamento pré-natal com a prescrição de medicamentos retrovirais é essencial.

A forma mais eficaz de proteção contra o vírus é o uso de preservativos durante as relações sexuais. Tanto a camisinha quanto os testes rápidos de HIV, sífilis e hepatites B e C, além dos medicamentos de prevenção e tratamento, estão disponíveis na rede pública de saúde.

JPNEWS: BANNER RCN NOTICIAS PATROCINADO ATUALIZADO 23.02.2024
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Em Três Lagoas, a faixa etária de maior contaminação registrada concentra-se entre 20 e 34 anos. De janeiro a ourubro deste ano, Três Lagoas registrou 97 novos casos de Aids entre os moradores. Desse total, 24 mulheres contraíram a síndrome neste período. Os dados são do Programa Municipal IST/Aids/HIV e foram divulgados na semana em que é lembrado o Dia Mundial de Luta contra Aids no país. O número total já ultrapassa 2022, quando foram registrados 95 casos positivos.

No entanto, o número ainda pode aumentar, pois muitas pessoas não fazem a testagem da doença. Em 2023, foram realizados 10.236 testes pelo Programa de Controle das IST-AIDS/HV.

Veja a reportagem abaixo:

 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews Três Lagoas