RÁDIOS
Campo Grande, 19 de junho

Campo-grandense é morto em assalto no Rio de Janeiro

Gabriel estava no Rio para assistir a apresentação da cantora Taylor Swift

Por Karina Anunciato
19/11/2023 • 12h00
Compartilhar

Mais um sul-mato-grossense perdeu a vida neste final de semana no Rio de Janeiro. Gabriel Mongenot Santana Milhomem Santos, 26 anos, estava na capital fluminense para assistir ao show da cantora internacional Taylor Swift.

Na noite desse sábado (18) ele saiu para passear na Praia de Copacabana quando foi assaltado e morto a facadas. Segundo a Polícia Militar, o corpo do jovem foi encontrado na areia da praia, na esquina da Rua Figueiredo de Magalhães com a Avenida Atlântica.

Gabriel tinha perfurações de objeto cortante e os pertences não foram encontrados. Dois homens são suspeitos do crime. O caso é tratado como latrocínio, roubo seguido de morte.

A PM informou, ainda, que um dos suspeitos foi preso na mesma região algumas horas depois do crime. Jonathan Batista Barbosa tem passagens criminais pelos crimes de porte de arma de fogo, roubo, furto, lesão corporal, homicídio e receptação. Os pertences de Gabriel não foram encontrados. (com informações do Jornal O Dia)

Trâmites

Gabriel estava no Rio de Janeiro, há cerca de dois dias aguardando a apresentação de Taylor Swift neste domingo (20) acompanhado de amigos e parentes que moram na cidade.

Como tem familires no Rio, o trâmite para o translado do corpo para Campo Grande está sendo conduzido por eles. Ainda não há informações sobre a chegada, velório e enterro, na Capital.

Gabriel é filho da secretária adjunta de Assistência Social de Campo Grande, Inês Mongenot Santana.

Nas redes sociais, a prefeita Adriane Lopes, manifestou pesar à família. "Que a lembrança do seu filho Gabriel seja um farol de amor e que você encontrem conforto nos momentos difíceis", escreveu a prefeita.

O jovem é o segundo sul-mato-grossense que perdeu a vida no Rio de Janeiro, somente neste final de semana. Ana Clara Benevides Machado, 23 anos, morreu na sexta-feira (17), durante o show de Taylor Swift, após passar mal e sofrer uma parada cardiorrespiratória.

 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de CBN Campo Grande