RÁDIOS
Campo Grande, 25 de fevereiro

Procura por produtos eróticos cresce 50% durante a pandemia

Uso de máscaras "tirou a vergonha" das pessoas ao entrar em sexshops, diz empresária

Por Thais Cintra/Marcus Moura CBN
27/05/2020 • 12h47
Compartilhar

Você sabia que desde o início da pandemia a procura por produtos eróticos teve um aumento de 50% em todo Brasil? Pois é, a pesquisa é do site Mercado Erótico e aponta que houve mudança no comportamento dos consumidores que estão mais ousados. A CBN Campo Grande entrevistou a psicóloga Karina Brum, que também é gerente da loja de produtos eróticos Labareda. Ela revelou um aumentou na procura por “brinquedos” para apimentar as relações sexuais.

“As pessoas estão mais libertas e procuram novidades para satisfazerem seus parceiros. Até nossos clientes ficam mais à vontade quando entram na loja, justamente por estarem de máscaras, e isso de uma certa forma nos ajuda financeiramente”, relatou a gestora. 

A jornalista e sexóloga Yorrana Della Costa, diz que a questão cultural colabora na construção de padrões pré-estabelecidos. “Quase nunca dentro da educação sexual ao longo da vida somos orientados a discutir sobre sexo e isso é consequência do sistema machista que nosso país está inserido”, pontua a especialista. Confira:  

 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de CBN Campo Grande