RÁDIOS
Campo Grande, 26 de junho

Garagista é fuzilado em oficina mecânica por dupla em moto

Vítima teria discutido com dupla suspeita pouco antes e polícia investiga ligação

Por Carlos Monfort, de Ponta Porã
02/02/2022 • 10h00
Compartilhar

A Polícia Civil de Ponta Porã ainda não tem pistas que possam ajudar a levar aos pistoleiros que fuzilaram o garagista Samuel Souza Martinez, de 32 anos, crime ocorrido no final da tarde desta terça-feira (1), na região norte da cidade.

O crime ocorreu em frente à garagem "Samuel Veículos" na rua Coronel Santana, no Jardim Primor.

Testemunhas disseram à polícia, que a dupla chegou ao local em um motocicleta e um deles atirou na vítima. Os criminosos, inclusive, pararam a moto para atirar em Samuel. A quantidade de disparos que acertaram a vítima não foi divulgada.

TODAS AS PRAÇAS: BANNER FORUM CBN
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Conforme as informações do registro da ocorrência, investigadores da Deam (Delegacia de Atendimento à Mulher) que estavam perto do estabelecimento, ainda perseguiram os criminosos, mas não conseguiram detê-los. Os suspeitos fugiram em uma moto Broz, estavam usando capacete branco, camisetas azul escura e calça jeans.

Na vizinhança onde ocorreu o atentado há câmeras de segurança, que podem ajudar na identificação dos atiradores. O homicídio de Samuel está sendo investigado pela 1ª DP (Delegacia de Polícia Civil) de Ponta Porã.

Há informações de que naquela tarde, a vítima havia discutido dentro da garagem com dois homens, conforme testemunhas relatam, mas não se sabe a identificação de quem estava com Samuca e se esse fato tem relação com o assassinato.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de CBN Campo Grande