Campo Grande, 20 de setembro
32º C
(67) 99229-0519

IFMS tem 265 vagas remanescentes em cursos de graduação

Inscrições vão até o dia 3 de agosto e cursos são oferecidos em nove cidades

Por Redação*
28/07/2021 • 18h00
Compartilhar

O Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS) segue com inscrições abertas para 265 vagas remanescentes na graduação até a terça-feira, 3 de agosto. O processo seletivo é aberto àqueles que participaram do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2011 em diante. 

As opções são os cursos superiores de bacharelado, licenciatura e tecnologia em Alimentos, Agronomia, Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Arquitetura e Urbanismo, Computação, Engenharia Civil, Engenharia da Computação, Engenharia Mecânica, Engenharia de Pesca, Gestão do Agronegócio, Jogos Digitais, Processos Metalúrgicos, Produção de Grãos, Química, Redes de Computadores e Sistemas para Internet. 

A seleção também está aberta para cadastro de reserva nas graduações em Engenharia Elétrica, Automação Industrial e Engenharia de Controle e Automação, caso haja cancelamento de matrículas até o final do mês de agosto. 

As vagas são ofertadas em Aquidauana, Campo Grande, Corumbá, Coxim, Dourados, Jardim, Naviraí, Nova Andradina, Ponta Porã e Três Lagoas, com ingresso no segundo semestre de 2021. 

Para participar, o candidato precisa ter obtido nota acima de zero na Redação e nas provas das demais áreas do conhecimento. 

Inscrições – São gratuitas, assim como os cursos, e devem ser feitas pela Página do Candidato. Interessados em participar que não tenham acesso à internet podem solicitar o uso de um computador nos campi do Instituto Federal, com agendamento prévio. O contato com as unidades pode ser consultado no Anexo VIII ao edital de abertura. 

Ao se inscrever é necessário informar um endereço de e-mail válido para receber o comprovante de inscrição, bem como eventuais informações relativas ao processo seletivo. 

O candidato autoriza o IFMS a consultar o resultado obtido no Enem junto ao Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP). Por isso a inscrição deve ser feita utilizando o CPF do próprio candidato, para consulta no arquivo de notas do exame. 

Ações afirmativas – Pelo menos 50% das vagas ofertadas se destina àqueles que cursaram o todo o ensino médio em instituições públicas de ensino. Pelo menos metade das vagas reservadas são para estudantes com renda familiar bruta igual ou inferior um salário-mínimo e meio per capita. 

A reserva é garantida ainda aos candidatos autodeclarados pretos, pardos e indígenas, bem como às pessoas com deficiência, respeitando a proporção para o Mato Grosso do Sul no último Censo Demográfico divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 

Todas as informações precisam ser prestadas no ato da inscrição. Ao escolher o sistema de ingresso por reserva de vagas, o candidato deverá escolher a faixa de renda per capita em que se enquadra e, posteriormente, escolher se opta por se autodeclarar preto, pardo ou indígena. 

A verificação das informações prestadas será feita por meio da entrega da documentação exigida e da realização de bancas de heteroidentificação. 

Seleção – Será feita com base na nota total mais alta alcançada pelo candidato nas edições do Enem realizadas a partir de 2011. O peso para cada área de conhecimento, utilizado para o cálculo da nota total dos cursos ofertados, está disponível no item 5 do edital de abertura, publicado na Central de Seleção. 

A divulgação dos candidatos aptos à matrícula e lista de espera, após envio da documentação exigida e realização das bancas de hetoroidentificação, está prevista para 20 de agosto.

 

*Com informações do IFMS

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de CBN Campo Grande

VEJA MAIS