RÁDIOS
Campo Grande, 26 de junho

Ministério da Saúde e Fiocruz participam de evento de combate à dengue em MS

Encontros começaram nesta terça-feira e vão até a próxima quinta; profissionais recebem também capacitação

Por Ingrid Rocha
24/05/2022 • 13h30
Compartilhar

Os representantes do Ministério da Saúde e da Fiocruz chegaram nesta terça-feira (24) em Campo Grande para uma visita técnica. Eles estão acompanhando e participando de ações de enfrentamento a dengue, zika e chikungunya, promovidas pela Secretaria Estadual de Saúde. O evento trata também de gestão de insumos, capacitação do manejo clínico, vigilância laboratorial e discussão do panorama das arboviroses no estado.

O  consultor técnico das arboviroses do Ministério de Saúde, Pablo Fontoura, disse durante o evento que o Brasil teve aumento de casos de dengue de 2021 para 2022 e que encontros como esse na capital são importantes para o combate à doença.

“Nós percebemos um aumento no número de casos em relação ao ano anterior. Hoje nós temos um quadro muito semelhante ao de 2009, quando nós tivemos um grande número de casos em todo o Brasil. Essa é uma preocupação não só do Ministério da Saúde, mas de todos os estados e municípios. Então, a ideia é estreitar as parcerias com os estados e municípios no combate as arboviroses. Nós sabemos que é um desafio muito grande, que envolve outros setores além da saúde e hoje o Ministério da Saúde vem trabalhando essa questão de trazer novos parceiros, de visitar os estados e trabalhar em conjunto para entendermos o cenário e desencadear as ações necessárias”.

TODAS AS PRAÇAS: BANNER FORUM CBN
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O evento conta com a participação de 40 entidades e vai até a próxima quinta-feira (26).

 

Cenário da dengue em MS

Mato Grosso do Sul tem 14.170 casos prováveis de dengue, sendo 2.101 em Campo Grande, segundo dados da Secretaria Estadual de Saúde. O estado registrou nove mortes pela doença em 2022 e outras três estão em investigação.

Dos 79 municípios de MS, 40 estão com alta incidência de dengue, 21 estão com média e 18 cidades com baixa.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de CBN Campo Grande