RÁDIOS
Três Lagoas, 15 de julho

Sindicato dos Corretores de Imóveis realiza encontro nesta quinta em Três Lagoas

Serão realizadas palestras para promover capacitação para a categoria, nesta quinta-feira (13)

Por Any Galvão
12/06/2024 • 13h18
Compartilhar

O Sindicato dos Corretores de Imóveis (Sindimóveis) de Mato Grosso do Sul pretende abrir uma unidade, em Três Lagoas. A presidente do Sindimóveis, Luciana de Almeida, está em Três Lagoas para cumprir uma agenda de compromissos.

De acordo com ela, o estado conta com mais de 15 mil corretores, dos quais cerca de 10 mil estão ativos. Em Três Lagoas, há mais de 300 corretores, divididos quase igualmente entre homens e mulheres. “O que tenho notado desde que cheguei, conversando com vários colegas de profissão, é uma carência na valorização do corretor de imóveis. Precisamos conscientizar a sociedade sobre a importância do corretor na transação imobiliária, pois, só assim se garante a segurança jurídica necessária. Uma preocupação do sindicato é a capacitação desses profissionais”, explicou.

Nesta quinta-feira (13), às 15h, na Câmara de Vereadores de Três Lagoas, serão realizadas duas palestras sobre financiamento imobiliário e técnicas de vendas. O objetivo é capacitar ainda mais os corretores para oferecer melhor atendimento ao cliente e, consequentemente, elevar o reconhecimento da profissão.

JPNEWS: BANNER FAMÍLIA É TUDO 14.05 A 23.12.2024
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A presidente do sindicato ressalta que há muitas pessoas que exercem a profissão ilegalmente. "É fundamental reconhecer a importância de buscar sempre um corretor de imóveis ao pensar em comprar ou vender uma propriedade. Este profissional é o único capaz de fornecer segurança jurídica e é responsável por resolver quaisquer problemas que possam surgir. Ele guiará o cliente pelo caminho correto, assegurando que o sonho da casa própria se torne uma realidade e não um pesadelo", conclui Luciana.

Confira a reportagem abaixo:

 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Mais de JPNews Três Lagoas